Zeca celebra um aniversário atribulado com amigos e familiares que decidiram surpreende-lo. Ema fica com ciúmes de Carolina.

Zequinha abraça Zeca e Ema observa-os feliz, enquanto Carolina fica incomodada. Enquanto isso Rute apresenta a sua família a Carolina e Antonieta. Já Gisela e Olga vão ajudar as empregadas.

Carolina interrompe a conversa do ex-presidiário e Ema e diz-lhe que ficou impressionada com a coragem dela para aparecer depois da última conversa que tiveram. Zeca defende a presença de Ema e diz que está muito feliz por a ter ali.

Pouco depois, Carolina acusa Zequinha por ser mal-educado e termina atrapalhada, porque Zeca lhe diz que o ele tem uma doença rara.

Ciúmes e desilusão

Já Olga, para provocar a irmã, pede a Fanã que se ajoelhe e lhe beije a mão. Ele fica hesitante e quem se ajoelha aos pés de Olga é Sandro. Fanã reage beijando-a e leva uma bofetada dela. Rute aproxima-se e dá-lhe também uma bofetada.

Enquanto cantam os parabéns a Zeca, ele troca olhares com Ema, mas Carolina aproxima-se e beija-lhe o rosto. Ema fica incomodada e vai embora com Zequinha, defendendo que "não está com cabeça para aquele tipo de jogos".