Em "Amor, Amor", Linda pede para Romeu desaparecer. O cantor foi ao café falar com a amada que estava com a sua filha, Melanie.

Mel vai falar com a mãe, depois de o pai lhe ter contado do beijo entre Linda e Romeu. "Explica-me como foste capaz de trair o pai com o Romeu!", afirma a filha com raiva. Linda fica surpreendida por esta já saber a verdade e explica, "foi só um beijo". A namorada de Leandro percebe que há uma razão para o que aconteceu, "tu sempre gostaste dele".

De repente, à entrada do café, ouve-se uma voz. "É verdade, sim, Mel. A tua mãe gostava de mim...", atira Romeu, que acaba de entrar no espaço. "Para com isso! Estás louco?", afirma a filha de Lurdes, surpreendida por Romeu aparecer.

O cantor quer revelar toda a verdade. "Estou cansado de esconder o que sinto, isso acabou! Eu adoro a tua mãe, Mel, e é com ela que quero ficar!", explica. A filha de Linda com raiva, deixa um aviso à mãe, antes de sair, "esquece as fruta frescas, esquece que tens uma filha, esquece que eu existo!".

A esposa de Bruno fica desesperada e vocifera contra Romeu. "Quando te dizia que eras um cobarde, lembras-te? Que nunca havias de ser um homem! Foi precisamente isso que mostraste agora. Acabaste de destruir a minha família a troco de nada!", declara.

Linda continua o discurso perante o cantor que cerra os dentes, com o discurso duro da amada. "Era mesmo preciso magoares a minha filha para me magoar?! Agora desaparece!", ordena. Romeu acaba por sair, enquanto a amada fica a chorar sozinha.

Fonte: Revista Maria