Estreia nesta noite de domingo, dia 10, "The Voice Kids", na RTP1. Sete anos depois da primeira edição, o formato está de regresso para procurar a pequena grande voz de Portugal.

Para além do regresso deste formato, Carlão volta a ser jurado ou, neste caso, melhor dizendo, ao papel de mentor. Em entrevista à revista TV7 Dias, o rapper fala em "algo bastante diferente" de tudo o que fez até ao momento.

"Enquanto mentor, avaliar o talento de crianças e pré-adolescentes, até aos 15 anos, envolve uma grande dose de sensibilidade, porque são artistas que ainda estão a desenvolver as suas capacidades, e se já normalmente não agrada julgar talento, também me faz ainda ainda confusão quando se trata de idades tão sensíveis", diz Carlão à referida revista.

Neste sentido, o ex-membro dos Da Weasel revela que está "nesta experiência mais para direcionar, apoiar e ajudar, dentro das minhas capacidades, do que tentar moldar o que quer que seja". "O meu papel enquanto mentor é tentar perceber quais são as maiores valências de cada um dos concorrentes que estão na minha equipa e tentar capitalizá-las mas deixá-los seguir o caminho deles, por forma a que se divirtam durante o processo", acrescenta.

Carlão junta-se aos mentores Carolina Deslandes, Marisa Liz e Fernando Daniel no regresso do "The Voice Kids", marcado para esta noite.