No rio, Anabela grita por ajuda, enquanto Leonor se afasta cada vez mais, debaixo da canoa. Tomás passa de bicicleta e ouve a menina gritar. Pergunta o que se passa e, assim que ela lhe explica, ele despe o casaco e mergulha, conseguindo alcançar Leonor, que já está inconsciente. Em terra, reanima-a e ela diz ter frio. Anabela pede que ele não conte nada a Fátima. Tomás chega com as meninas e a queijeira repreende a sobrinha. Horas mais tarde, e depois de Guida lhe contar que Leonor é filha de Tomás, a irmã de Artur confronta Rosalinda, que confirma tudo. A queijeira diz que deviam ter contado a verdade. A tia admite ter medo que ele lhe leve a menina. Em seguida, Fátima procura o socorrista e percebe que ele não sabe de nada, acabando por lhe revelar que Leonor é filha dele. Muito confuso, ele tenta ignorar, mas a rapariga afirma que não se fala de outra coisa na aldeia. Depois de Fátima lhe relatar mais pormenores, Tomás acredita que a menina pode mesmo ser sua filha. Ainda tenta ligar para Dulce, só que o número de telemóvel dela já não está atribuído. Desesperado, embebeda-se no restaurante. Fátima diz-lhe para se ir embora e ele acaba por se declarar, afirmando que adora tudo nela e que vai resolver o que tem a resolver para poderem ficar juntos. Eles beijam-se e vão para casa dela. Lá, ambos dão largas à paixão. Pouco depois, os dois afastam-se e ela pede-lhe que saia de casa dela, lembrando-o de que tem noiva. Contudo, depois acaba por lhe pedir para ficar, pois está bêbado e não tem condições para conduzir. No dia seguinte, ao acordar, ele pede desculpas mesmo sendo verdade o que disse. Fátima não acredita que ele se vá casar por obrigação.

Carlota expulsa Carminho do hotel
Farta de ter a cunhada no hotel, a vilã expulsa-a, mostrando-lhe a conta e começando ela mesma a arrumar as coisas de Carminho. A mãe de Salvador sente-se muito infeliz e faz um grande drama. Arrasta a sua mala e fica logo exausta. Tenta passar despercebida, mas em vão.

Rosalinda e Elvira deixam de falara Sãozinha
A mãe de Ivone discute com a padeira, acusando-a de ter inventado que Tomás é pai de Leonor. Pouco depois, a mulher de Domingos acusa Fátima de ter espalhado aquele boato. Esta garante que não disse nada e lembra-se de como Guida agiu. Rosalinda insiste que a amizade delas acabou. Elvira apoia-a.