Eduarda decidiu desaparecer sem deixar rasto. Beatriz mostra-se apreensiva com tudo o que está a acontecer e fala com Diogo no sentido de cancelarem o casamento. No entanto, Diogo quer manter a data e promete proteger Beatriz e os filhos de tudo o que Eduarda possa atentar contra eles.

A mãe de Martim tem medo do que esta possa fazer, mas Diogo alerta para o facto de as autoridades estarem a procurar Eduarda de forma ativa, uma vez que existe um mandado de captura para ela.

Para tentar esquecer toda a situação, Diogo e Beatriz vão ultimar os preparativos do casamento e pedem a Martim para juntar-se a eles, mas o menino está distante e sem vontade. Na verdade, a criança está completamente focado no telemóvel onde lê uma mensagem. Esta chega de um número anónimo e tem como remetente Eduarda. A avó pergunta ao menino como ele está e avisa-o que os pais falarem mal dela, admitindo que tudo o que vão dizer dela é mentira. O jovem percebe que poderá descobrir aqui o paradeiro da avó e responde-lhe.

A avó pergunta se ele quer se encontrar mesmo com ele e ele responde que sim e acabam por falar por chamada. Martim finge não saber o que está a acontecer com a vó e pergunta a esta o que se está a passar porque os pais não lhe contam. O que Eduarda não sabia é que Beatriz tinha colocado um rastreador no telefone do filho para poderem denunciá-la à polícia e desta forma protegerem toda a família.