Segundo fontes da TV Mais, a adaptação do programa italiano "C'è posta per te" foi "escolhido e comprado" por Cristina Ferreira e Nuno Santos especialmente para Fátima Lopes.

Essas fontes revelaram ainda que a escolha se deveu ao facto de a apresentadora reunir uma série de "qualidades que lhe são atribuídas" e que seriam compatíveis com o formato do programa.

As gravações estavam prestes a começar mas, entretanto, Fátima abandonou a estação de Queluz de Baixo.

Depois da sua saída o canal ainda ponderou a continuidade do programa com outra cara do canal. Iva Domingues chegou a ser apontada como sucessora, mas a TVI optou mesmo por cancelar o programa.

"Foi escolhido para ela [Fátima Lopes], sem dúvida. Era feito à sua medida. Com a sua saída, a TVI preferiu cancelar. Era o que fazia sentido.", revelou fonte do canal à TV Mais.

Com o cancelamento a estação acabou por ficar a perder porque "Foram gastos quase 100 mil euros" na compra do programa.

Para já a decisão foi tomada mas, mais tarde, pode ser que a TVI ainda recupere o formato.

                                                                                                                       Fonte: TV Mais